BLAU FAZ AQUISIÇÃO E PODE RELANÇAR IPO


Published by @J. A. Miguel Neto | ESTADÃO | Press | 2 . March . 2020 | 0 |

A Blau Farmacêutica, dona da marca Preserv, pode fazer na próxima janela uma nova tentativa para lançar sua oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), depois de ter os planos frustrados no início de 2018. A companhia acaba de fechar os números de 2019: a receita líquida encostou na trave da barreira de R$ 1 bilhão e chegou em R$ 978 milhões, crescimento de 25% ante o visto um ano antes. Os planos eram de dar musculatura à operação antes da oferta e ontem, dia 26, a companhia anunciou a compra da goiana Pharma Limírio, fabricante de antibióticos, por R$ 150 milhões, transação assessorada pelo escritório Miguel Neto Advogados. Se o coronavírus não atrapalhar, as expectativas é de que abril e maio seja muito forte para IPOs no mercado brasileiro.

Procurada, a Blau disse que desde sua tentativa de ir a mercado, a empresa manteve “toda a estrutura, boas práticas de Governança, auditorias, compliance, comitês, departamento de relação com os investidores”. A companhia diz, ainda, que está neste momento, entregando os resultados projetados e que “a decisão de ir a mercado ou não depende das condições do mercado mundial e do apetite do investidor”.


Back to Previous Page